terça-feira, 14 de julho de 2009

DIA UM!

Primeiro dia de uma decisão muito importante. Decidir começar a dieta? Não; dia de decidir começar a falar sobre ela.

Li na revista “Saúde” de uns meses atrás, que escrever, principalmente em blogs, quando pode haver grande interação, tem se mostrado a cura, ou auxílio, para diversos problemas psicológicos ligados à ansiedade, depressão e distúrbios de comportamento ou alimentares. Ou de todos esses juntos, que parece ser o meu caso.

Tô deprimida? O marido ligou e ao invés de dizer “beijo, amor, te amo, tchau”, disse “tá, tchau” e desligou deixando a impressão de não me amar mais, aí vai uma coxinha de frango com catupiry com um copo grande de fanta laranja. Tô com raiva do que tive que aturar calada sem rosnar ou praguejar? Vem aí um Cascão sabor baunilha, calda de chocolate, ovomaltine e waffer. Vai ter prova de Direito Empresarial? Só um X-tudo [tudo meeeeeesmo!] do “Dogão” me acalma.
Mas aí, se for boa notícia, como emprego novo do maridão; ou nota boa em Empresarial e passei sem precisar de prova final; que choveu de aula pra dar... aí merece uma mexicana grande do “Ateliê do Chef”, uma picanha suculenta e gordurosa do “Malagueta”, ou um bom filé à parmegiana no Changrilá.
Ai, ai... Guento com isso?

É ... Ansiosa, deprimida, feliz, raivosa, alegre... a comida está lá, em porções generosíssimas.

Ponto inicial de discussão:

É pra isso mesmo que comida serve? Passatempo?
Consolo? Recompensa? Autopunição? Autoflagelo?

Só se partilha comida? Só se comemora com comida? Só se reúne os amigos em
torno de uma mesa despencando comida?

Então!?! Tenho muito sobre o que refletir nos próximos dias.

Brinde de água de coco para o post de abertura do blog. Salute!

P.S.:

Só para constar: não tenho desconto pela publicidade dos estabelecimentos
ou produtos citados. É porque são bons mesmo. E como são! Eu? Como! E como como!

E também já chega de trocadilhos infames. Inté!

5 comentários:

  1. Tá... eu tb sou a Miss Sanfona... já senti que vou adorar esse blog! ;)

    ResponderExcluir
  2. to percebendo q vamos ter q fazer concurso da miss sanfona. pois me considero uma kkkkk
    começei ontem academia...terça feira.
    hj ja comi um tanto de salada, folhas ....
    adoçante entrou no meu cardápio tb.
    enfim...pretendo perder somente 5kg.
    bora la na torcida
    kkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  3. Adorei suas reflexões em torno da comida e de como ela acaba sendo meio e não fim. De essencial à acessório, de fundamental à superficialidade. O prazer de comer se tornou algo tão fulgaz que se vai com a primeira culpa de ter colocado o primeiro bocado na boca...xiii a história é comprida!

    Pamela Basílio

    ResponderExcluir
  4. Olá, Dona Sanfona!
    Tive aqui semana passada, mas nem deu pra postar comentário porque tava "assoberbadíssima" com os afazeres de casa e os preparativos pra viagem a Floriano...
    Agora, já de volta; mas sempre "assoberbadíssima", achei um tempinho pra escrivinhar pra senhora...
    Amei teu blog!!!
    Acredita que passei minha vida toda sendo tripinha, magricela... mesmo depois de parir um danadinho de quase 4 quilos??? E acredita mais ainda que hoje eu sou um pouco quase assim parecida poquinho mais ou menos bolotinha??? :(
    Pois é... Nesses últimos seis meses...aff... engordei que nem...!!!??? Humpf.
    Pôxa... ainda bem que tu tá aqui pra dividir comigo essa "SITUAÇÃO"!
    Um abraço "daqueles"...

    ResponderExcluir
  5. Risos.

    Gostei dos trocadilhos. E que graça haveria se não fosssem infames? ;-)

    ResponderExcluir